Informações

Linha do tempo de Edith Stein – parte 6

Linha do tempo Edith Stein

Dez anos depois…

1998

Medalha de canonização de Edith Stein (Santa Teresa Benedita da Cruz)

Edith Stein é canonizada pelo papa São João Paulo II, que a havia beatificado, no ano em que ele publica a sua Encíclica Fides et Ratio. Ela é citada no número 74 desta Encíclica junto aos corajosos filósofos que aceitaram colocar em diálogo a própria fé com a sua argumentação racional. A canonização deu um novo impulso aos estudos e divulgação da vida e obra dessa eminente filósofa.

1999

Santa Teresa Benedita da Cruz, copadroeira da Europa

São João Paulo II, por meio da Carta Apostólica em forma de Motu Próprio, Spes Aedificandi, proclama Santa Teresa Benedita da Cruz copadroeira da Europa junto com Santa Brígida da Suécia e Santa Catarina de Sena.

2000

O toque do inefável, do prof. Juvenal Savian Filho (EDUSC)

O livro O toque do inefável escrito pelo professor Juvenal Savian Filho é lançado pela editora da Universidade do Sagrado Coração (EDUSC).

2001

Biografia de Edith Stein - Como o ouro purificado pelo fogo

A biografia de Edith Stein intitulada Edith Stein – como Ouro Purificado pelo Fogo, escrita por Elisabeth de Miribel, é traduzida e publicada pela editora Santuário.

A Profa. Dra. Angela Ales Bello começa a visitar o Brasil, a convite da Irmã Jacinta, e é um esforço vivo para que o pensamento de Edith Stein seja conhecido e aprofundado no Brasil.

A EDUSC havia publicado em 1997 uma primeira obra de Angela Ales Bello Cultura e religiões: uma leitura fenomenológica, traduzida por Antonio Angonese. Ela utiliza a fenomenologia de Edmund Husserl, em quem havia se doutorado, para propor uma arqueologia do Sagrado.

No ano de 2000 a EDUSC havia publicado sua obra sobre Edith Stein, Hedwig Conrad-Martius e Gerda Walther Fenomenologia do ser humano: traços de uma filosofia no feminino. A Irmã Jacinta havia conhecido Angela Ales Bello em Roma alguns anos antes e a convida para vir ao Brasil falar sobre a fenomenologia de Edmund Husserl e Edith Stein.

Foram também traduzidos e publicados pela EDUSC duas obras de Edith Stein A Mulher: sua missão segundo a natureza e a graça e O mistério do Natal.

2004

O livro Fenomenologia e Ciências Humanas: psicologia, história e religião, da Dra. Angela Ales Bello, é publicado pela editora EDUSC, com organização e tradução do Dr. Miguel Mahfoud e Marina Massimi.

2011

I Simpósio Filosófico Internacional Edith Stein

“Um olhar interdisciplinar sobre a subjetividade humana: a pessoa humana em Edith Stein” foi o tema do I Simpósio Filosófico Internacional promovido pela Faculdade Católica de Fortaleza nos dias 21, 22 e 23 de setembro de 2011.

2012

Teu coração deseja mais: reflexões e orações, publicado pela VOZES, apresenta uma coletânea temática, contemplando textos que demostram como Edith Stein-Teresa Benedita da Cruz vivenciou sua via espiritual. Editado por Maria Antonia Sondermann (O. C. D.). Tradução de Enio Paulo Giachini..

2013

Miguel Mahfoud e Marina Massini organizam e publicam pela editora Artesã Edith Stein e a Psicologia: Teoria e Pesquisa. O prefácio é da Dra. Angela Ales Bello e a dedicatória para Irmã Jacinta Turolo Garcia “por seus insignes méritos na difusão do pensamento de Edith Stein no Brasil”.

Com a temática “A Pessoa na Filosofia e nas Ciências Humanas” ocorreu na Universidade Católica de Salvador o II Simpósio Internacional Edith Stein nos dias 26, 27, 28 e 29 de agosto de 2013.

2014

O lançamento do livro Edith Stein: a paixão pela verdade da autora Dra. Profa. Angela Ales Bello é organizado por Adriano Furtado Holanda e traduzido por José J. Queiroz, Editora Juruá.

A irmã Salesiana Adair Aparecida Sberga, religiosa da Congregação das Filhas de Maria Auxiliadora (FMA), publica pela editora Paulus A formação da pessoa em Edith Stein: um percurso de conhecimento do núcleo interior.

Em diálogo com a mística cristã a Ms. Mariana Bar Kusanolança o seu livro A antropologia de Edith Stein: entre Deus e a filosofia, editado pela Editora Ideias & Letras. O comentário da contracapa é de Juvenal Savian Filho, da Unifesp.

2015

É realizado na Universidade Federal de Minas Gerais o III Simpósio Internacional Edith Stein com a temática “Pessoa e Comunidade” nos dias 25, 26, 27 e 28 de agosto de 2015. Entre vários professores convidados, esteve presente o prof. Éric de Rus, que depois manteve laços com vários alunos e pesquisadores de Edith Stein no Brasil.

Os professores Moisés Faria Rocha e Gilfranco Lucena dos Santos organizam o livro Edith Stein – A Pessoa na Filosofa e Nas Ciências Humanas, com os textos do II Simpósio Internacional Edith Stein realizado em 2013, na Universidade Católica do Salvador, BA.

livro A Visão Educativa de Edith Stein - Eric de Rus

O lançamento do livro do Dr. Éric de Rus, pela editora Artesã, A visão educativa de Edith Stein: aproximação a um gesto antropológico integral tem tradução de Isabelle Sanchis, Juvenal Savian Filho, Maria Cecilia Isatto Parise e Paulo Pacheco. A revisão técnica é do Dr. Juvenal Savian Filho.

2016

livro - A presença de Duns Escoto no pensamento de Edith Stein: a questão da individualidade

A presença de Duns Escoto no pensamento de Edith Stein: a questão da individualidade, do Dr, Francesco Alfieri, é lançado pela editora Perspectiva. Prefácio de Friedrich-Wilhelm von Hermann, apresentação da Dra. Clio Francesca Tricarico, tradução do Dr. Prof. Juvenal Savian Filho e da Dra. Clio Francesca Tricarico.

Em comemoração aos 100 anos da defesa de tese de Edith Stein, O problema da empatia, a revista TQ – Teologia em Questão, se une ao Grupo de Pesquisa O pensamento de Edith Stein da Unifesp, para publicar O Pensamento de Edith Stein – Estudos críticos.

livro Edith Stein: a construção do ser pessoa humana

Reconstruindo “o pensamento sobre o ser humano e a Filosofia Cristã de Edith Stein”, o Ms. Luiz Santana publica pela Editora Ideias & Letras o livro Edith Stein: a construção do ser pessoa humana.

2017

É realizado o IV Simpósio Internacional Edith Stein: Fenomenologia, Psicologia e Educação em 02, 03 e 04 de agosto de 2017 na Universidade Federal da Paraíba em João Pessoa.

Os professores Dr. Miguel Mahfoud e Dr. Juvenal Savian Filho organizaram o Livro Diálogos com Edith Stein: Filosofia, Psicologia e Educação com os textos resultam do III Simpósio Internacional Edith Stein, realizado em Minas Gerais, em 2015.

2018

livro Edith Stein - Vida de uma família Judia e outros escritos autobiográficos

É lançado no Brasil, pela Editora Paulus, o primeiro volume das obras completas de Edith Stein em versão crítica, intitulado Vida de uma família Judia e outros escritos autobiográficos. Esse volume traz a autobiografia da santa filósofa e outros escritos autobiográficos, como os escritos Como cheguei ao Carmelo de Colônia, Testamento Espiritual, Curriculum Vitae.

A Arte de Educar por uma pedagogia empática com Edith Stein

É lançado pela Editora Prismas o livro A arte de educar: por uma pedagogia empática em Edith Stein. Fruto das pesquisadoras profa. Clélia Peretti e Profa. Vera Fátima Dullius, também por elas organizado.

2019

cartaz do V Simpósio Internacional Edith Stein

Com a temática “Certeza de Ser e Fenomenologia” é realizada na Universidade de Brasília o V Simpósio Internacional Edith Stein nos dias 28 e 30 de 2019.

livro - Textos sobre Husserl e Tomás de Aquino

É lançado no Brasil, pela Editora Paulus, o segundo volume das obras completas de Edith Stein em versão crítica, intitulado “Escritos de Husserl e Tomás”. Esse segundo volume traz a peça teatral escrita por Stein em comemoração pelos 70 anos de Husserl em que seu mestre filósofo é retratado conversando com outra inspiração sua: Santo Tomás de Aquino. Esta peça foi rejeitada por Heidegger, diretor da revista fenomenológica em que foi publicado tal escrito em 1921, e foi transformada pela própria Stein em artigo que também se encontra nesse segundo volume. Contém também outros artigos muito interessantes de Edith Stein, que coloca em diálogo a fenomenologia de Edmund Husserl com o metafísica-cristã, especialmente a escolástica.

Educar para a Eternidade

Dos dias 3 a 7 de agosto de 2020 a Pastoral Universitária da PUC-SP promoveu o diálogo sobre a questão educativa a partir do pensamento da filósofa, educadora e Santa Edith Stein (Teresa Benedita da Cruz). Tal evento aconteceu nos primeiros meses período da pandemia e teve a presença remota dos professores Angela Ales Bello e Éric de Rus.

Lançado pela Editora Artesã, o livro Edith Stein – João da Cruz: Teologia & Sociedade do autor Luís Carlos de Carvalho Silva, apresenta interfaces da teologia da cruz em diálogo com elementos da sociedade europeia..

Para rememorar a importância de a incipiente psicologia resgatar sua posição unificadora do humano tríade: corpo, psique/alma e espírito, o Prof. Dr. Michel Mahfoud (organiza) e publica pela editora Artesã Psicologia com alma: a fenomenologia de Edith Stein. Colaboradores: Giovana Fagundes Luczinski; Juvenal Savian Filho; Maria Inês Castanha de Queiroz; Suzana F. Brasiliense Carneiro e Ursula Anne Matthias.

2020

No auge da pandemia da Covid-19 a Profa. Dra. Magna Celi Mendes da Rocha começa a coordenar e apresentar uma série de lives semanais apresentando a força e a atualidade do pensamento steiniano. Tal esforço foi um marco para os estudos de Edith Stein no Brasil, pois representou a possibilidade da não interrupção dos estudos steinianos quando não se podia haver reuniões presenciais. Estas lives foram também uma parceria entre a Comunidade Católica Shalom São Paulo e a Pastoral Universitária da PUC-SP. As lives podem ser acessadas pelo site Edith Stein – Estudos integradores da pessoa humana.

Uma obra de vários (as) colaboradoras (res) steinianos é organizada por Angela Ales Bello, Clélia Peretti, Adriano Furtado Holanda e Maria Cecília Isatto Parise. Resgatando contribuições temáticas atuais, o livro Masculino e Feminino, na fenomenologia de Edith Stein, nos convida a repensar aspectos intersubjetivos do feminino e masculino.

2021

O site edithstein.com.br publicou um artigo, de Romário da Silva Campos, para comemorar o centenário do ponto alto da conversão de Santa Edith Stein ao Catolicismo, quando ela leu o Livro da Vida, de Santa Teresa de Jesus, em 1921.

Em março é criado o perfil no Instagram @edithstein-estudosintegradores que hoje consta com o nome @avidadeedithstein. Tal perfil busca reunir estudiosos(as) de Edith Stein, divulgar eventos e promover o conhecimento, o estudo e a devoção a esta santa e filósofa que tem alcançado muitas pessoas. Além disso, este perfil se dedica a divulgar o conteúdo do site edithstein.com.br – Estudos integradores da pessoa humana

É lançado no Brasil, pela Editora Paulus, o terceiro volume das obras completas de Edith Stein em versão crítica, intitulado Investigação sobre o estado. Esse volume traz a reflexão steiniana sobre a essência do Estado e o que se pode pensar sobre ele – isso diante da tentativa frustrada de golpe de Estado liderada por Adolf Hitler, que lhe ocasionou a condenação e prisão.

Magna Celi Mendes da Rocha continua as lives sobre Edith Stein, porém agora de forma mensal e desta vez tratando os temas da espiritualidade, mística e educação em Edith Stein. As lives continuaram com a parceria entre a Comunidade Católica Shalom São Paulo e a Pastoral Universitária da PUC-SP.

projeto Devocionário Santa Edith Stein

Em agosto é lançado o primeiro devocionário dedicado à propagação da devoção lançado no Brasil. O projeto do livro foi coordenado por Romário da Silva Campos e escrito pelo Mosteiro São José (Carmelita Descalço) da cidade de Cachoeiro de Itapemirim-ES. O lançamento se deu no Instagram @avidadeedithstein em live com a presença da Profa. Ms. Maria Cecília Isatto Parise e Romário da Silva Campos.

É realizada uma live, proposta pela professora Maria Cecilia Isatto Parise e apoiada pelo professor Dr. Andrés Antunez, da pós-graduação em psicologia clínica da USP, para comemorar os 20 anos da presença da Professora Angela Ales Bello divulgando e fomentando o pensamento de Edith Stein no Brasil.

Dela participaram e deram o seu testemunho sobre a importância e relevância dos cursos e assessorias da professora Angela Ales Bello alunos, professores e colaboradores que a acompanharam durante esse 20 anos de cursos e conferências pelo Brasil.

2022

XX Simpósio de Filosofia - A originalidade do pensamento de Edith Stein

A Faculdade São Luiz, em Brusque (SC), realizou o primeiro simpósio presencial pós-pandemia nos dias 05 a 07 de outubro de 2022, com o tema “A originalidade do pensamento de Edith Stein”.

No mês de agosto é rezada pela primeira vez a novena de Santa Edith Stein segundo o devocionário das monjas carmelitas de Cachoeiro de Itapemirim. A novena foi realizada pelo Instagram @avidadeedithstein.

2023

É lançado o livro Meditações dos mistérios do Santo Rosário com Santa Teresa Benedita da Cruz (Edith Stein) das Irmãs do Carmelo de Patos de Minas, com a colaboração do professor Gabriel Mauro.

É realizada pela segunda vez a Novena de Santa Edith Stein pelo perfil do Instagram @avidadeedithstein seguindo o roteiro do Devocionário de Santa Edith Stein.

É realizado o I Congresso Edith Stein na Ítalo, organizado pelas professoras Magna Celi Mendes da Rocha e Maria Cecília Isatto Parise.

A vida de Edith Stein, com a sua vitalidade, segue mediante os esforços de manter viva sua memória, seus ensinamentos, e de forma especial, a coerência que existe entre seu pensamento e sua vida. É por tais motivos que esta última parte da linha do tempo de sua vida não poderia terminar com o dado de sua morte em 1942. Sua existência continua perpetuada nos livros, nos eventos, nas pesquisas, nos vídeos, nas lives, nos aconselhamentos, ou seja, em todos os espaços onde precisa ser fomentado o que ela sempre promoveu: a dignidade da pessoa humana, a fé como meditação e vivência, autenticidade como um valor, o encontro e vivência com a verdade.

Seguindo estes pensamentos, a linha do tempo de Edith Stein vai perpetuar-se enquanto existir uma pessoa que queira continuar divulgando seu pensamento e sua vida. Este é o motivo do título desta quinta parte de sua vida terminar com reticências, pois é contínua e interminável, vide a riqueza do que escreveu e viveu.

Para aprofundar os dados apresentados nestas cinco partes da linha do tempo de Edith Stein, segue abaixo o e-mail dos autores para mais informações.

Desejamos que muito ainda se promova e escreva, para que esta linha do tempo seja daqui a alguns anos mais enriquecida.

Capa, crucifixo e terço que pertenceram a Santa Edith Stein.

Autores

  • Maria Cecília Isatto Parise

    Maria Cecilia Isatto Parise possui graduação em Filosofia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, mestrado em História da Filosofia pela Université Paris 1 Pantheon-Sorbonne e mestrado em Filosofia pela Universidade Federal de São Paulo na linha de pesquisa "Metafísica, Ciência e Linguagem". É professora palestrante e membro do Conselho consultivo da Oficina Municipal - Escola de Cidadania e Gestão Pública de SP. Professora convidada pelo departamento de pós-graduação em Teologia da PUCSP, onde ministra disciplinas no curso de extensão em teologia e ensino religioso. É cofundadora e cogestora do site edithstein.com.br. – Estudos Integradores da Pessoa Humana. Fundadora e diretora da Chouette Cursos e Educação. Membro do Centro Italiano di Ricerche Fenomenologiche de Roma.
    Membro, no Brasil, dos Grupos de Pesquisa: GT Edith Stein e o Círculo de Gotinga. O pensamento de Edith Stein da Universidade federal de São Paulo; Grupo de Estudos de Filosofia Fenomenológica de Edith Stein, da Universidade Federal do Ceará. Tem experiência na área de Filosofia, com ênfase em ética e idealismo alemão - especialmente em Georg Friedrich Hegel, e no pensamento contemporâneo - especialmente na fenomenologia de Edmund Husserl e Edith Stein. Atua principalmente nas seguintes áreas: fenomenologia, antropologia filosófica, fé e razão. Investiga os temas: liberdade, subjetividade e intersubjetividade, relação da pessoa humana com Deus, identidade e gênero. É coautora do livro Masculino e Feminino na Fenomenologia de Edith Stein publicado em 2020, além da participação na produção de outros livros e da publicação de artigos acadêmicos na área da Filosofia. Atua também como tradutora para o português de textos e conferências dos fenomenólogos: Profa. Dra. Angela Ales Bello e o Prof. Dr. Éric de Rus.

  • Romário da Silva Campos

    Pós-Graduado Latu Sensu em "Filosofia e Ensino de Filosofia" e "Aconselhamento Filosófico" pelo Centro Universitário Claretiano. Possui Graduação Plena em Licenciatura em Filosofia no Centro Universitário Católico de Vitória. Tem experiência como Conselheiro Filosófico na organização e no ministrar de Cafés Filosóficos e na Vigilância e Controle Sócio-assistencial do Sistema Único de Assistência Social (SUAS). Atualmente cursa Bacharelado no curso livre de Teologia no Instituto Eclesiástico de Filosofia e Teologia "Sedes Sapientiae". É professor de Introdução à Sagrada Escritura no Instituto Nossa Senhora do Bom Conselho e professor de Introdução à Filosofia e Ecumenismo na Escola de Estudos Bíblicos e Teológicos “Mater Ecclesiae” – ambos em Campos dos Goytacazes. É Seminarista da Diocese de Campos-RJ. É estudioso e divulgador do pensamento de Santa Edith Stein/Santa Teresa Benedita da Cruz no Brasil.

  • Danilo Souza Ferreira

    Doutorando em História pela Universidade Federal de Ouro Preto, Mestre em História pela Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP) e Mestrando em Teoria da Literatura pela Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP), com ênfase em Teoria e Filosofia da História, Graduado pela Universidade Federal de Ouro Preto Licenciatura e Bacharelado. Membro do NEHM - Núcleo de Estudos em História da Historiografia e Modernidade e da Red-Latino Americana História Pensada e membro do The International Association for the Study of the Philosophy of Edith Stein (IASPES).