Newsletter

Newsletter – dezembro 2019

Mais um ano está chegando ao final e temos muitos motivos para nos alegrar quanto à divulgação e pesquisas sobre o pensamento de Edith Stein.

A grande maioria dos grupos de estudos permanece ativa, aceitando novos participantes, desejosos de conhecer ou aprofundar o conhecimento dessa grande mulher e grande filósofa.

Edith Stein, além de filósofa, se aventurou em várias áreas do conhecimento que contribuem para se alcançar uma compreensão integral da pessoa humana: psicologia, pedagogia, experiência religiosa e teologia, entre outros. Aqui ainda faltam estudiosos em Edith Stein nas áreas da sociologia, literatura, neurociências.

Segundo a Professora Angela Ales Bello, uma das pioneiras na divulgação do pensamento de Edith Stein no Brasil, juntamente com a Irmã Jacinta Turolo Garcia, é extremamente rico servir-se do pensamento filosófico da Edith Stein para confrontar e dialogar com outras áreas de conhecimento. O conselho é nunca perder de vista o rigor técnico e a proximidade ao texto dessa grande pensadora. Isso é o que estamos tentando fazer aqui no Brasil, especialmente com o intuito de pensar vários fenômenos atuais concernentes à pessoa humana e à vida em sociedade.

Nesse ano tivemos mais um livro da coleção das Obras Completas de Edith Stein, traduzidas para o português a partir da edição crítica (Edith Stein Gesamtausgabe – ESGA). Agora já temos dois volumes, lançados pela Paulus: A vida de uma família judia e outros escritos autobiográficos, lançado em 2018, e Edith Stein: Textos sobre Husserl e Tomás de Aquino lançado em agosto de 2019.

Esse segundo volume é um conjunto dos textos em que Edith Stein apresenta a fenomenologia de Edmund Husserl e o pensamento de Santo Tomás de Aquino, principalmente dos textos em que a filósofa coteja o pensamento dos dois autores. Alguns textos foram escritos por Edith Stein para divulgação filosófica; outros, para investigação acadêmica. Todos permitem visualizar sua maneira de entender Husserl e Tomás, mas dão sobretudo a conhecer a conjugação entre ambos no espírito de Edith Stein. Também são uma excelente ferramenta para conhecer a posição da filósofa em relação ao tomismo e à sua maneira de articular fenomenologia e metafísica. Os textos foram traduzidos por Márcia Sá Cavalcante Schuback, professora da Universidade de Södertörn (Finlândia); Úrsula Anne Mathias, professora da Universidade Federal do Ceará; Enio Giachini, professor da Faculdade São Boaventura; Gilfranco Lucena dos Santos, professor da Universidade Federal da Paraíba; Juvenal Savian Filho, professor da Universidade Federal de São Paulo.

Conteúdo publicado em https://edithstein.com.br/eventos/lancamento-de-livros-no-v-simposio-internacional-de-fenomenologia/


O ano de 2019 nos brindou com vários eventos sobre o pensamento de Edith Stein, em diversas instituições do nosso País:

  • De 03 a 03 de junho: IX Semana de Filosofia da Faculdade Diocesana São José – FADISI, em Rio Branco, Acre – Questões de Gênero, Direito e Justiça em Edith Stein.
  • Em 8 de junho: I Simpósio de Fenomenologia do Corpo, no Anfiteatro do Hemocentro, em Ribeirão Preto, SP.
  • Em 26 de junho: Seminário Internacional do Instituto de Psicologia da Universidade de São Paulo – USP – O Suicídio nos Jovens: Uma Compreensão Fenomenológica.
  • Em 22 a 24 de julho II Congresso Internacional de Fenomenologia & Psicologia e IV Congresso Brasileiro de Psicologia e Fenomenologia na Universidade Federal do Paraná em Curitiba – Fenômenos Psicológicos e Saúde.
  • Em 9 de agosto: Mesa Redonda: Mística em Edith Stein, na Pontifícia Universidade Católica de São Paulo – PUC-SP.
  • Em 26 de agosto: I Colóquio sobre Edith Stein, no Carmelo Santa Terezinha, em Fortaleza – A mulher como uma obra-prima de Deus segundo Edith Stein.
  • De 28 a 30 de agosto: V Simpósio Internacional Edith Stein, na Universidade de Brasília – Certeza de ser e Fenomenologia.

Todos esses eventos estão elencados em nosso site, juntamente com outras informações sobre publicações feitas nesses eventos, além de alguns vídeos e textos.


Além desses eventos, gostaríamos de mencionar três pesquisadoras brasileiras que se destacaram em 2019. Duas novas doutoras defenderam suas teses: Dra. Clio Tricarico, da Universidade Federal de São Paulo – UNIFESP e a Profa. Dra. Vera Fátima Dullius, da Pontifícia Universidade Católica do Paraná – PUC-PR. A Profa. Dra. Clélia Peretti publicou a sua tese de doutorado, enriquecendo a bibliografia brasileira sobre Edith Stein.

Abaixo deixamos os links de acesso para relatos da experiência dessas três pesquisadoras, com o intuito de inspirar mais pessoas a desenvolver um estudo sistemático dessa grande filósofa em sua área de interesse:

O confronto entre os pensamentos de Edith Stein e Hedwig Conrad-Martius

[por Clio Tricarico]
Quando comecei a conhecer a fenomenologia de Edith Stein, por volta de 2011, tive imediatamente a percepção de que o percurso que se abria à minha frente exigiria não apenas a imensa dedicação…

A consciência no processo de formação docente: luzes a partir de uma onto-antropologia em Edith Stein

[por Vera Fátima Dullius]
A metodologia utilizada foi a fenomenologia proposta por Edith Stein, seguida por contribuições de autores contemporâneos que aplicam o método fenomenológico na área de educação…

Nas Trilhas De Edith Stein – Gênero em Perspectiva Fenomenológica e Teológica

[por Clélia Peretti]
Na leitura da obra, o leitor depara-se com a descrição do método fenomenológico, este teve grande influência na formação filosófica e no itinerário intelectual de Edith Stein…


Por fim, gostaríamos de destacar a publicação de um belíssimo artigo da pesquisadora alemã, atualmente professora da Universidade Federal do Ceará, a Profa. Dra. Ursula Anne Mathias, que nos ajudará a aprofundar a leitura dos textos de Edith Stein sobre a fenomenologia de Edmund Husserl e o pensamento de Tomás de Aquino, publicados em português pela Editora Paulus.

Desejamos a todos os nossos leitores e colaboradores que o ano de 2020 seja repleto de estudos e vivências inspirados na vida e nas obras de nossa querida Edith Stein!

Newsletter – dezembro 2019

por site Edith Stein Tempo de leitura: 4 min